5 dicas de manutenção da sua barra antipânico

1 – Limpeza do equipamento.
Faça a limpeza externa com detergente neutro. Não use produtos mais fortes e abrasivos para evitar prejudicar o acabamento da barra antipânico.

2- Aperto dos alojadores:
Alojadores são os locais onde ficam alojados as linguetas ou trincos quando a porta está fechada. Verifique o aperto de todos na porta, em cima e no piso.

3- Testes de funcionamento:
Faça testes de funcionamento na barra antipânico, principalmente naquelas instaladas em saídas muito pouco utilizadas. Simule a abertura e o fechamento da porta. Em portas de duas folhas deve ser simulado a abertura de cada folha individualmente o que deve sempre ocorrer.

Leia +

4-Lubrificação:
Equipamentos instalados em áreas externas ou com um fluxo muito intenso pode ser necessário com o tempo a sua lubrificação. Caso sinta necessidade abra a tampa do suporte central e faça lubrificação com graxa especificada pelo fabricante.

5-Acesso externo:

Quando existir acesso externo com chave, lubrifique o miolo , quando necessário, apenas com grafite em pó. Chaveie o acesso externo e teste o funcionamento da barra pela parte interna. A mesma deve continuar funcionando e abrindo a porta normalmente, apenas desta forma está garantida a segurança.

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *